‘Vidas Opostas’: Ricardo ajuda Maria a sair da prisão

-

Vidas Opostas’: Maria aparenta estar morta. Na cama não se mexe, até aparecer Ricardo. “Como é que te sentes?”, pergunta o filho de Cecília. “Feliz por te ver”, responde-lhe ela. “Correu tudo como planeámos. A guarda fez tudo como combinámos, deu-me a garrafa de água com a dose certa de medicamentos”, conta a jovem. Ricardo sorri e diz-lhe que ela tem de continuar a fingir estar mal para a segunda parte do plano dar certo e livrar-se da cadeia… e de Eva. Horas depois encontra-se com a médica do estabelecimento. “Obrigado por ter vindo tão rápido. Tentaram matar a Maria na prisão”, conta ele. “Eu disse-lhe: ela andava a receber ameaças, havia reclusas compradas pela Eva para lhe fazerem a vida negra…

A médica mostra-se chocada e diz que vai falar com o diretor da prisão, mas Ricardo diz que isso não adiantará de nada e que a próxima vez a irmã de Hugo poderá já estar morta. Afinal, esta não é a primeira vez que algo assim acontece e ninguém fez nada. “A doutora tem de tirar a Maria da prisão, ela não pode mais continuar ali. A Maria tem de vir para casa, se ela continuar naquela prisão ela morre.” A médica diz que vai falar com um juiz naquele mesmo dia.

No dia seguinte, Maria está a arrumar as suas coisas quando subitamente aparece Eva. Está com ar confiante. Maria, contudo, finge não perceber isso. “Continua a tentar, mas não vais conseguir acabar comigo …”, diz a irmã de Hugo à rival. “Foi uma sorte não teres morrido, quem sabe da próxima vez…”, responde Eva, fingindo-se preocupada com o estado de saúde de Maria. “Não vais ter outra oportunidade…”, responde-lhe a outra de forma altiva. Eva ri-se, pois acha que ela está a recolher as coisas para voltar à cadeia. Quer festejar mais uma vitória. “Estás presa, sem a tua filha, sem o teu amor… acho que estou no bom caminho”, diz, feliz.

Nesse momento entra o inspetor da PJ. Estranha a presença da vilã ali, mas esta diz que foi lá apenas para lhe desejar as melhoras e deixar-lhe algum dinheiro para poder sobreviver na cadeia. “Mas ela não lhe contou?”, pergunta o polícia. “A Maria não vai para a prisão. O juiz revogou a medida de coação, a Maria vai para casa com pulseira eletrónica…

Desta vez é a vez da irmã de Hugo sorrir. Porém, assim que o inspetor da PJ se vira para ela está novamente séria. Faz mesmo um ar pesaroso. “Não podia continuar a correr risco de vida…

Ricardo aparece naquele momento. Maria é ajudada pelo polícia e levada. Eva fica lívida. Acabou de perder a primeira batalha contra a rival.

Fonte:TV Guia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

ÚLTIMOS ARTIGOS

‘Depois, vai-se a ver e nada’, o novo programa da RTP estreia dia 3 de maio

'Depois, vai-se a ver e nada' é o novo formato da RTP que traz de volta José Pedro Vasconcelos. Qualquer assunto que incendeie o mundo...

Cristina Ferreira quer Ljubomir Stanisic na SIC. TVI quer nova edição de ‘Pesadelo na Cozinha’

Depois de 'Pesadelo na Cozinha', na TVI, Ljubomir Stanisic aceitou fazer parte de 'História da Gastronomia Portuguesa', o novo programa da RTP1. A verdade é que, em...

Manuel Luís Goucha agradece à plateia do seu programa e adverte: “ganham muito mal”

Ontem, quinta feira, 18, Manuel Luís Goucha decidiu dedicar algumas palavras à plateia que o acompanha diariamente. No seu discurso, Goucha dirigiu-se em particular...