Ligue-se a nós

Ficção

“Quer o Destino”: Mateus tenta asfixiar Isabela

Os ânimos vão aquecer em “Quer o Destino”.

Cátia Ferreira

Publicado

no

Depois de Mateus e Isabela se envolverem, o veterinário começa a ficar perturbado. Pede-lhe para que ela lhe diga que ele é a sua vida, ela insiste que é só dele mas Mateus descontrola-se e aperta-lhe o pescoço. Isabela grita porque não consegue respirar e o marido apercebe-se do seu acto e pára. Ele pede-lhe que não chore mas Isabela só quer que ele saia de cima dela.

Mateus repara nas marcas das suas mãos no pescoço da mulher e tenta acaricia-la mas Isabela pensa que ele vai tentar asfixia-la novamente e ataca-o com uma joelhada afirmando: “Nunca mais”. O vilão tenta explicar-lhe o que se passou mas ela tranca-se no quarto e manda-o embora. Arrependido, Mateus pede desculpa: “Descontrolei-me. Mas tu sabes que te adoro. Não imaginas do que sou capaz se te perder”.

Veja também:   Isabela Valadeiro encantada com Telma Garcia

Mais tarde, Mateus entra na cozinha com a Bíblia na mão. Tira uma faca, começa a afiá-la e reza: “Senhor, fazei de mim um instrumento da vossa paz, onde houve ódio, que eu leve o amor”.

Nesse momento, entra Isabela que vê o marido caído no chão sobre uma poça de sangue. Apercebe-se de que ele ainda está vivo e grita para que ele não a deixe. Consegue acordá-lo e levá-lo para a cama: “Vais ficar bem. Era uma zona bastante irrigada, mas o golpe não foi muito profundo”, diz-lhe.

Ele volta a pedir-lhe desculpa e pergunta se ela o perdoa: “Só não te perdoo se me abandonares. Tremo a pensar no que te podia ter acontecido”. Mateus admite: “Tive medo de te perder… depois do que tinha feito”. E abraçam-se.

Fonte: TV 7 Dias

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas