Ligue-se a nós

Notícias

Pedro Rodil: “A minha paixão é a representação, mas o meu grande amor são os meus filhos”

Rufino Teixeira

Publicado

no

Foi no passado dia 6 de abril, que o ator Pedro Rodil se despediu da sua avó paterna, Maria Dolores. “Nunca se está preparado para perder quem se ama. E eu que cresci muito com os meus avós e com toda a sabedoria empírica deles, claro que me custa esta perda. Embora tenha a noção que eventualmente todos partimos. Eu também irei“, afirma o ator.

Se for com 85 anos como ela foi, dou-me por contente porque quer dizer que estive muito tempo com os meus filhos. Claro que é uma tristeza e uma surpresa menos boa, mas eu sei que ela está bem acompanhada. Teve vários filhos, netos, conheceu os bisnetos e por isso partiu bem. E vai encontrar lá as pessoas que ama“, diz, acreditando que a avó descansa em bom lugar.

Aos 29 anos, Pedro Rodil já tem dois filhos: Martim e Mel. Apesar de estar “a gravar intensamente“, a sua prioridade são os filhos. “A minha paixão é a representação, mas o meu grande amor são os meus filhos“. Para isso, o fim de semana é para os filhos. “Quando estou com eles desligo tudo: telemóvel, televisão… dedico-me a eles a 100 por cento. E não é ser pai lamechas, mas o que mais amo na minha vida são os meus filhos. Nada nem de perto chega lá perto. E quando não estou com eles confesso que estou a pensar neles. Por isso, e se estou a tentar novamente a sorte na representação e a querer ser um grande actor, é por eles. Porque quero que eles se orgulhem de mim“, diz.

Veja também:   ‘Big Brother’: André pede Zena em namoro: “Queres namorar comigo?”

Um regresso à televisão

O ator esteve afastado da representação durante algum tempo, tendo agora regressado. “Deixei tudo o resto, os outros negócios para trás. Claro que posso não estar aqui para sempre. Mas se não estiver não é porque não queira, mas agora estou mesmo dedicado. A isso e à escrita para cinema. E independentemente das fases que volte a passar, nunca deixarei de ser actor.

Em ‘Vidas Opostas‘, Pedro dá vida a Paulo. “É um colega de trabalho da Eva e que tem uma grande paixão por ela“, conta. “Eles vão acabar por se envolver, mas ela está só a usá-lo porque o vê como um amigo. Ele é o amigo manso dela“.

23 anos. Estudante de Geografia na FLUP. Um apaixonado pela cultura, comunicação, pelo território e pela sociedade. Um defensor do equilíbrio "homem-terra", daí defender teorias de conservação e gestão da natureza. Está no MAISTV como fundador e administrador geral.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas