Ligue-se a nós

Notícias

Pedro Fernandes sobre ‘Ver P’ra Crer’: “Era um desperdício não ter audiências.”

Rufino Teixeira

Publicado

no

Ver P’ra Crer’ é o novo formato dos finais de tarde da TVI, marcando o regresso à apresentação de Pedro Fernandes ao canal. Um programa diferente “onde ninguém faz figura de estúpido. Vá, má figura. As perguntas que são colocadas perante os nossos concorrentes e as nossas capitãs de equipa [Ana Guiomar e Rita Salema] são perguntas que muito provavelmente ninguém saberá a resposta. São aquele tipo de curiosidades que todos nós gostamos de saber e que, às vezes, usamos para quebrar o gelo numa conversa. Portanto, as pessoas vão ter imensa curiosidade para saber mais e para depois poder usar esta informação inútil em qualquer tipo de conversa“, admite Pedro Fernandes à TV Guia.

O horário escolhido para o formato tem vários concorrentes de peso de outros canais, por isso, a TVI poderá ter alguma dificuldade em se fazer sentir. Mas o facto não inibe o apresentador de querer bons resultados. “O horário das 19:00 é aquele em que, muitas vezes, as pessoas não estão a olhar para a televisão, estão apenas a ouvir. É o horário onde se dá o banho às crianças, que se está a preparar o jantar, e este programa é muito bom de ser visto, mas ainda é melhor de ser ouvido. Acho que funciona muito bem. Mas se puderem ver, agradecia. Temos câmaras, estamos a pagar a imensa gente para gravar e filmar… Era um desperdício não ter audiências.

Veja também:   Débora Monteiro já é máe

Mas Pedro Fernandes não tem medo do horário, muito menos das ofertas existentes. “Sinto a responsabilidade de fazer o meu trabalho da melhor maneira possível. Gosto do formato que estou a fazer, vou defendê-lo e fazê-lo da melhor maneira que sei. E depois vou esperar que o maior número de pessoas o queira ver. A partir daí, não posso fazer muito mais. As pessoas são livres de escolher que programa querem ver. Espero que prefiram ver a TVI. Mas, sinceramente, não penso muito nisso.

Este regresso à TVI tem corrido bem, garante Pedro. “Acho que as pessoas confiam em mim, acreditam naquilo que posso dar e, quando isso acontece, acho que temos todas as condições para trabalhar bem e com mais segurança. Isso é-me transmitido todos os dias, quer pela Felipa [Garnel], quer por todas as pessoas que trabalham na direção com ela.

23 anos. Estudante de Geografia na FLUP. Um apaixonado pela cultura, comunicação, pelo território e pela sociedade. Um defensor do equilíbrio "homem-terra", daí defender teorias de conservação e gestão da natureza. Está no MAISTV como fundador e administrador geral.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas