Ligue-se a nós

Cultura

Miguel Guilherme: “A democracia não é um paraíso”

O ator está em cena com a peça “Última Hora” no Teatro D. Maria II e interpreta o diretor de um jornal em dificuldades.

Avatar

Publicado

no

Miguel Guilherme está em palco no Teatro D. Maria II com a peça “Última Hora”. Segundo a revista Caras, na obra o ator dá vida a um diretor de um jornal que atravessa dificuldades financeiras e éticas.

Em declarações o ator falou de como a peça vai muito além de mundo do jornalismo, através da ironia e da comédia. “A democracia não é um paraíso, mas permite-nos questionar e lutar por uma vida melhor. Luto para que todas as pessoas possam ter a sua opinião. O que mais me preocupa é a precariedade, que é transversal a todos. Esta pandemia veio reforçar a falta de condições que já havia na nossa área”, colmatou referindo-se às dificuldades que a Cultura atravessa com a pandemia.

Veja também:   Cristina Ferreira pode ver a compra de ações suspensa

Para preparar o papel, Miguel Guilherme passou um mês na redação do jornal Público.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas