Ligue-se a nós

Pessoas

Manuela Moura Guedes: “Quando dou opinião, fundamento-me em factos.”

Rufino Teixeira

Publicado

no

Manuela Moura Guedes sempre foi muito crítica relativamente à informação da SIC. No entanto, aceitou o convite da estação e integra, atualmente, o leque de jornalistas da estação. “O Ricardo Costa ligou-me um dia e disse-me: “Olha, gostava de falar contigo. Podemos ir almoçar?” E eu disse: “Podemos.” Fomos almoçar e ele convidou-me. Ouvi-o, gostei da ideia e disse-lhe que sim“, começa por contar à TV Guia sobre o convite para a SIC.

Fala-se que o ordenado de Manuela seria de 5 mil euros. Apesar das notícias, Manuela admite que não sabia quanto ia ganhar quando aceitou o desafio, explicando que “as questões monetárias nunca são problema para mim.

Veja também:   Rodrigo Paganelli: "tem sido um isolamento social muito preenchido"

O balanço da sua estadia na SIC tem sido muito positivo. “Quando dou opinião, fundamento-me em factos. Não gosto do “acho” só por achar. É por isso que sou a procuradora, porque procuro.

O seu marido, José Eduardo Moniz, vê com frequência o seu espaço, e até já deu a sua opinião. “De vez em quando, aponta-me erros“, clarifica, admitindo que nem sempre tem razão. “Mas, quando percebo que as críticas são justas, qual o problema de lhe dar razão?

23 anos. Estudante de Geografia na FLUP. Um apaixonado pela cultura, comunicação, pelo território e pela sociedade. Um defensor do equilíbrio "homem-terra", daí defender teorias de conservação e gestão da natureza. Está no MAISTV como fundador e administrador geral.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Mais vistas