Mãe de Angélico Vieira leva Hernâni Carvalho e antiga diretora de conteúdos da SIC a tribunal

-

Hernâni Carvalho, enquanto comentador de vários programas, encontra-se atualmente na barra dos tribunais, na qualidade de arguido, num processo crime interposto por Filomena Vieira, mãe do falecido Angélico Vieira, onde a SIC é também chamada ao caso.

Tudo por causa de um vídeo, transmitido no programa ‘Queridas Manhãs’. Naquele vídeo, surge o cantor a conduzir um Ferrari a 220 km/h, algo que Filomena Vieira considera constituir um crime de devassa da vida privada, e ainda outro de gravações e fotografias ilícitas. Na sua opinião, Hernâni Carvalho diz ter sido o sentimento de vingança que motivou a escolha dos arguidos. Já João Magalhães, advogado, diz ter sido umas das namoradas a enviar o vídeo.

Os factos, constantes na acusação, remontam a 20 de março de 2015, altura em que foi para o ar mais uma emissão da rubrica incorporada no matutino da SIC, onde foi exibido o vídeo de Angélico. Na altura, João Magalhães, advogado do stand AugusCar, o legal proprietário do veículo em que o cantor teve o fatídico acidente, no dia 28 de julho de 2011, revelou ao repórter local que o vídeo foi posto a circular, pois “era dela e não dele” e também que “isto foi enviado para os órgãos de comunicação social e não foi por mim.

Nesta audiência foi também ouvido Hernâni Carvalho, que se mostrou indignado por estar sentado no banco dos réus, juntamente com a coordenadora de conteúdos, Cláudia Carvalho. “Como é que eu, que estou em estúdio, sou acusado e quem está no terreno não é?“, questionou o comentador criminal. “Para saber quem decidiu tem de chamar a diretora de Conteúdos, que se chama Júlia Pinheiro e que estava sentada ao meu lado [durante
o programa]”. “Às 08h00 há uma reunião antes do programa, onde se encontra a diretora de Conteúdos. Ou acha que alguma coisa vai para o ar sem autorização da diretora de Conteúdos?“, questionou.

Em conversa com a TV7 Dias, Hernâni volta a abordar a questão. “Dois anos antes, um grupo de catedráticos do Instituto Superior Técnico explicou que o Angélico ia em ultra excesso de velocidade. Não houve processos. Aqui, as pessoas foram escolhidas  para o processo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

ÚLTIMOS ARTIGOS

Crime + InvestigationTM estreia em exclusivo a polémica série ‘Brigada de Homicídios: atlanta’

A 22 de abril, pelas 23h15, o Crime+InvestigationTM estreia em exclusivo a mini-série de sucesso, 'Brigada de Homicídios: atlanta' . Esta série acompanha uma...

Grupo Globo conquista 12 medalhas no Festival de Filme e Televisão de Nova Iorque

Numa cerimónia realizada na noite desta terça-feira, dia 9 de abril, em Las Vegas, nos EUA, o Grupo Globo recebeu  12 medalhas do Festival...

Globo vence Emmy Internacional Kids com ‘Malhação: Viva a Diferença’

Foi uma noite de reconhecimento para a Globo em Cannes, França. A emissora recebeu esta terça-feira, dia 9 de abril, o prémio inédito de...