Ligue-se a nós

Famosos

João Baião: “Quem me dera ajudar pessoas que estão a passar dificuldades”

O apresentador, que passou o confinamento refugiado na sua quinta, diz que a maior dificuldade foi não poder demonstrar os afetos.

Miguel Noronha

Publicado

no

João Baião, que abre as manhãs do fim de semana da SIC, sente que uma das “funções” enquanto figura pública é apoiar causas que ajudem o próximo. Foi isso mesmo que aconteceu, recentemente, referente à atual pandemia. O apresentador participou numa campanha que incentiva os doentes cardíacos a manterem-se em isolamento.

João Baião questionado sobre como foi viver esta fase que todos vivemos, adianta que “Ter um espaço amplo permitiu-me viver esta quarentena de uma forma mais arejada e oxigenada.” O também ator decidiu falar sobre a cultura e o estado em que a mesma se encontra. “As pessoas estão desesperadas, algumas já estão a passar fome. A dada altura comecei a ficar assustado não só pela nossa saúde, mas também pela situação económica do país”, esclarece à Revista Caras. Baião vai mais longe sobre o assunto e faz um desejo: “Quem me dera ter a possibilidade de ajudar as pessoas que estão a passar tantas dificuldades”.

Veja também:   Eduardo Madeira: "Quero ter mais filhos"

O apresentador e ator da SIC afirma que está a ser muito difícil atravessar esta situação sem poder fazer aquilo que mais o caracteriza. “Sempre gostei muito do contacto com as pessoas, o abraço, o olhar, os sorrisos, as gargalhadas, o toque, o beijo”, finaliza.

Fonte: Caras

22 anos. Ator e modelo publicitário. Formado na área de ator, tenho conhecimentos em realização e grafismo. Entro nesta área do jornalismo de televisão, porque é algo que me fascina.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas