Filomena Cautela: “Não sou o estereótipo da apresentadora de televisão”

0
136
Filomena Cautela na condução do programa 'I Love Portugal'. © RTP

Filomena Cautela garante à TV Guia não querer dar passos maiores que a perna. Por isso, a ambição existe, mas nunca em grande escala. Para já, Filomena irá apresentar o concurso da RTP1 ‘I Love Portugal’.

A estreia deste novo formato está já marcada para dia 11, mas as gravações já terminaram. Posto isso, a apresentadora irá dar a cara por outro formato – ‘Jogos dos Jogos‘ – uma adaptação de ‘Games of Games’. “Sinto que tenho tido muita sorte. E acho que, em televisão, não importa só trabalhar muito, há sempre também uma dose de sorte“, começa por referir.

Não sou o estereótipo da apresentadora de televisão, nem de beleza, não sou o estereótipo de coisa nenhuma. Eu acho que é uma honra e uma responsabilidade muito grande que estão a colocar em cima de mim e que eu acato com toda a sorte“, remata, garantindo que existem outras pessoas que deveriam ser mais reconhecidas que ela própria.

Já sobre o seu futuro, e ele deverá ser em televisão, Filomena não se mostra desconfortável com a descoberta de outras áreas. “Eu cresci como atriz, a minha formação é como atriz e conheço muito a realidade de pessoas que trabalharam muito, merecem muito, deram tudo o que têm e não têm dinheiro para comer. Nesse sentido, tenho muito os pés bem assentes no chão. Acho que é muito importante que as pessoas se lembrem que há quem precise de trabalhar.

Trabalho de Bruno

Bruno Santos foi dispensado, recentemente, da TVI, onde teve a pasta dos programas durante largos anos. Algo que a apresentadora não deixa passar: ” “O Bruno é dos maiores profissionais que a televisão portuguesa já conheceu” e, por isso, “o trabalho dele nunca será esquecido nem menosprezado“.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here