Desde 2000 ficou estabelecido que cinco países estariam automaticamente apurados para a final da Eurovisão: Alemanha, Espanha, França, Reino Unido e o país vencedor da edição anterior. Em 2011 juntou-se a Itália, ficando assim automaticamente apurados seis países com as respetivas canções.

Esta situação deve-se a uma questão de financiamento, ou seja, em 2000 os quatro principais financiadores do festival eram a Alemanha, Espanha, França e Reino Unido (“Big Four“). Há cerca de 10 anos juntou-se a Itália como principal financiadora, alargando para “Big Five” os maiores contribuidores financeiros para a União Europeia de Radiodifusão – UER (ou EBU – European Broadcasting Union).

Como Portugal foi o país vencedor em 2017, em Kiev, devido a Salvador Sobral, este ano país é o anfitrião. 

Salvador Sobral e Luísa Sobral – Arquivo

A União Europeia de Radiodifusão foi fundada na década de 50 após uma conferência em Devon, Inglaterra. Atualmente é formada por organizadores de radiodifusão (rádio, televisão e multimédia). Sendo constituída por 74 membros espalhados pela Europa, Norte de África e Médio Oriente, dos quais a RTP faz parte.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here