Ligue-se a nós

Notícias

Concorrente de ‘Pesadelo na Cozinha’ diz ter sido convidada a participar e acusa produção

Rufino Teixeira

Publicado

no

Diz-se que os restaurantes intervencionados em ‘Pesadelo na Cozinha‘ são concorrentes do programa, pelo que, anteriormente, passaram por um processo de “triagem” até serem escolhidos para o programa. No entanto, e contrariamente ao divulgado, há mais uma concorrente – dona de um restaurante – a acusar a produção do programa de a ter convidado a participar no formato da TVI.

Talvez pela falta de meios, a produção de ‘Pesadelo na Cozinha‘ decidiu convidar Natália, proprietário de um dos restaurantes intervencionados. “Eu não concorri a programa nenhum, eu fui convidada pela produção”, começa por explicar a senhora à revista TV 7 Dias. “Eles telefonaram-me no final de agosto, já passava das dez e meia da noite. Primeiro acho que é hora para se ligar mas pronto. E no início até achei que era alguém a encomendar comida. Depois começaram a perguntar-me se precisava de ajuda.”

Durante a chamada, ao que parece, alguém da produtora terá persuadido a senhora a participar, já que Natália rejeitou a ajuda. “Quando ela me diz que é do ‘Pesadelo na Cozinha’ eu disse logo que não queria“, explica. “Não me queria meter nisto e não era por causa da higiene, eu sei que tenho tudo limpo e impecável.”

Veja também:   'BB - A Revolução': Luís poderá regressar à casa?

No entanto, a produção foi mais longe e apelou ao coração de Natália e do seu marido, Manuel. “Eles insistiram muito e a dada altura perguntaram-me qual era o meu grande sonho e apanharam-me por aí, conseguiram dar-me a volta.”

Natália critica mudanças no restaurante

Apesar de ser um programa já emitido, e ao que parece, ter corrido bem a nível audimétrico, a dona do restaurante ‘O Telheiro‘ mostra-se muito descontente com as mudanças (quase inexistentes) que a equipa do programa exerceu no seu espaço. “Não gostei do trabalho que aqui foi feito. Podiam arranjar pessoal mais profissional. São muito aldrabões! Nós somos pobres mas não somos burros e gostamos das coisas cuidadas”, assume a senhora.

Este género de situações, não são, de todo, novidade no meio televisivo. Vários são os formatos onde há, também, convites da produção. Há vários exemplos desta situação.

23 anos. Estudante de Geografia na FLUP. Um apaixonado pela cultura, comunicação, pelo território e pela sociedade. Um defensor do equilíbrio "homem-terra", daí defender teorias de conservação e gestão da natureza. Está no MAISTV como fundador e administrador geral.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas