Ligue-se a nós

Famosos

Carro em que circulava Simone de Oliveira ardeu em março. Responsabilidades ainda por apurar

Rufino Teixeira

Publicado

no

Depois do aparatoso acidente em que por sorte, Simone de Oliveira não saiu vitimada, a cantora usou esta segunda-feira o Facebook para denunciar o trato do mesmo. Ao que parece, após o acidente que teve com um carro alugado, a 7 de março, o concessionário não assumiu responsabilidades. “Foi um susto que apanhei perto de Condeixa no dia 7 de março. Eu e mais duas pessoas íamos para Coimbra onde eu tinha espetáculo. Eis senão quando o carro que tínhamos alugado no concessionário Citroën PSAR, com 5000 quilómetros começou a perder força, dando apenas para encostar à berma onde imediatamente começou a arder. Ficámos sem nada“, escreveu a cantora, revelando alguns dos pertences perdidos.

Veja também:   Ângelo Rodrigues reconhece culpa depois do acidente

O concessionário, na Portela, em Setúbal, segundo Simone, não deram importância ao assunto, apesar de estar “provado que foi um supra aquecimento do motor“. “Continuar a vender e a alugar estes carros é terrorismo“, afirma.

23 anos. Estudante de Geografia na FLUP. Um apaixonado pela cultura, comunicação, pelo território e pela sociedade. Um defensor do equilíbrio "homem-terra", daí defender teorias de conservação e gestão da natureza. Está no MAISTV como fundador e administrador geral.

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas