Ligue-se a nós

#BlackLivesMatter

“Burden: A redenção” chega esta quinta-feira aos cinemas

O filme é baseado na história verídica de um homem que, por amor, foge da Ku Klux Klan. A estreia em Portugal é já esta quinta-feira, 9 de julho.

Avatar

Publicado

no

Com os protestos antirracistas a correrem o mundo, a estreia de “Burden: A Redenção” parece vir na altura certa. O filme conta a história verídica de Michael Eugene Burden Jr (Garrett Hedlund), que em 1996, exibiu pertences da Ku Klux Klan usados na violência contra os negros.

Porém, Michael apaixona-se por Judy (Andrea Riseborought) que o convence a deixar o grupo racista. Ao fugirem do movimento anti-negros KKK, são acolhidos pelo reverendo Kennedy (Forest Whitaker), líder de uma comunidade negra, de quem ficam muito próximos.

“Burden – A redenção” tem estreia marcada em Portugal, já esta quinta-feira, 9 de julho. O filme vem também marcar a reabertura das salas de cinema, em consequência da pandemia do novo coronavírus.

Outros filmes sobre racismo

O cinema retrata várias vezes o racismo norte-americano ao longo das décadas. Já em 2018, o filme If Beale Street Could Talk [“Se a Rua de Beale Falasse”, e tradução literal] expõe o drama de uma jovem afro-americana de 19 anos, que tenta provar a inocência do namorado acusado de violação.

Veja também:   "Terra Brava": Candy não cede a Tiago

Também em 2018, Amandla Stenberg protagonizou Starr Carter, uma adolescente que presencia a morte do melhor amigo, às mãos da polícia, quando tentava chegar a uma escova de cabelo. Em The Hate U Give” [“O ódio que semeias”, título em Portugal], os protestos pacíficos em defesa dos afro-americanos não tardam, sob o lema “Hands Up, don’t shoot” [Mãos no ar, não dispare].

Anúncio
💬 COMENTÁRIOS | CLIQUE AQUI PARA VER E COMENTAR

Facebook

Anúncio

Mais vistas