‘Alma e Coração’: Diana escapa a Armadilha de André e acaba ilibada do crime

0
339
© SIC

Em ‘Alma e Coração’, Diana está a ser julgada pela morte de Giácomo. Na realidade, foi André quem assassinou o traficante italiano, mas a Polícia continua a reunir provas contra a trapezista, acabando por a levar a tribunal. No dia da sentença, a jovem está muito nervosa. Todas as provas apontam para si e ela tem a certeza de que vai ser detida, apesar de João  garantir que isso não acontecerá. Mas ela quer é ouvir a voz de Rodrigo, embora saiba que ele não pode estar ali, para já.

Na sala de audiência, o juiz parece estar do lado de Diana. Gustavo, que está a defender Diana, pede à trapezista para aceitar o que o juiz decretou e ela acaba por dizer que fará tudo o que este lhe pedir. Cá fora está João, que fica radiante por ver a mulher ser libertada. Abraça-a com ternura, perante Gustavo. 

Porém, esta afasta o marido e, sem que este tenha tempo de reagir, diz-lhe que quer acabar. O médico fica estarrecido, mas Diana está decidida a não continuar mais com aquele casamento de fachada. Gustavo afasta-se, incomodado com a expressão angustiada de João. 

O cirurgião plástico percebe agora a distância da mulher nos últimos tempos, e a proximidade desta a Rodrigo. Ela sai do tribunal sozinha. João fica pensativo enquanto a trapezista corre para os braços de Rodrigo, que a recebe de forma apaixonada e que lhe promete ajudar no que for preciso. Ela conta-lhe tudo. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here