Foi durante uma emissão do ‘Late Night Secret‘, na TVI, que Marta Cardoso fez um comentário que muitos consideraram como ofensivo para os transmontanos. Tudo porque a comentadora terá dito a expressão “super legalize” e o colega Serginho pediu uma tradução. Marta respondeu: “estas pessoas não percebem nada de estrangeirismos, estas pessoas de Trás-os-Montes”. Apesar de ter sido na brincadeira, alguns portugueses não gostaram e manifestaram-se.

Face a isto, as manifestações não foram muito boas. E, nesse sentido, a apresentadora não gostou e decidiu passar à ação. Segundo a TV 7 Dias, Marta Cardoso terá avançado com um processo a mais de 80 pessoas por ofensas à honra e consideração.

Uma pessoa quando está exposta, como eu, já sabe que está sujeita a críticas e/ou opiniões de pessoas que não gostam. Eu nunca bloqueei uma única pessoa na minha página do Facebook, nunca apaguei um comentário. Já houve comentários desagradáveis, mas as pessoas têm direito à opinião delas. Eu gosto de dar a minha opinião e, por isso, tenho de aceitar a opinião dos outros“, começa por explicar à TV 7 Dias, admitindo que o seu objetivo é “alertar as pessoas, que aquelas que são visadas, quer aquelas que por alguma razão acham que isto é uma zona sem lei e que podem dizer tudo o que querem, que isto não é assim.”

A explicação

A profissional de televisão garante que o processo não é contra as pessoas de Trás-os-Montes mas “com um X número de pessoas que em nome sabe Deus de quê quiserem vir ameaçar-me e insultar-me.” “Eu estava a falar para os meus colegas e o que eu queria dizer é que eles vinham lá de longe. Ou seja, o que eu disse foi que ‘vens de lá de trás dos montes’, como quem diz, que ‘vens de longe’. Não foi a melhor expressão, não foi a expressão mais feliz, se fosse hoje não tinha escolhido essa.